10% off na primeira compra usando o cupom "SIDEBSTORE". vem!

moda, o ativismo que questiona

o slow fashion, repensar o modo que consumimos e de onde consumimos parece ser um assunto atual, mas, desde 2013, após o desastre Rana Plaza — que causou a morte de 1.134 trabalhadores (grande maioria mulheres e jovens) da indústria de confecção que trabalhavam para marcas globais, em condições análogas à escravidão — o movimento Fashion Revolution vem ampliando essa discussão junto aos produtores e consumidores de moda em mais de 90 países.

seu foco é gerar conhecimento do verdadeiro custo das roupas e os impactos socioambientais do setor — trabalhar, também, a transparência dessa indústria por meio da campanha #QuemFezMinhasRoupas? lutando contra trabalho escravizado e a degradação ambiental e humana.

desde 2014, ocorre a semana da Fashion Revolution em todo o mundo. durante o evento buscam lembrar das vidas perdidas no Rana Plaza e evidenciar, ainda mais, que a mudança do cenário atual na moda é possível para a criação de um futuro mais ético, sustentável e transparente.

no Brasil, o crescimento e fortalecimento do movimento resultou na constituição do Instituto Fashion Revolution Brasil, que trabalha em parceria com diversos atores da sociedade, terceiro setor e poder público para alcançar mudança efetiva. 

o livro “Revolução da Moda: Jornadas para Sustentabilidade” conta com ensaios de diversas mulheres que fazem parte da construção de um novo capítulo na História da moda brasileira, percebido através dos pilares ambientais, com seus desafios e êxitos. A moda impacta vidas, tanto de quem a faz, como de quem a veste.

o primeiro passo para o consumo mais ético, sustentável e que honre as pessoas e natureza acima do lucro é começar a se questionar nos profissionais por trás das roupas e o impacto em todas as fases do processo de produção e consumo nas pessoas e no meio ambiente.

há inúmeros caminhos para uma moda mais positiva ✨,

SIDE B

vem nos acompanhar nas redes e ficar por dentro das novis ;)